Sombras
Leituras

Sombras | Resenha

Outubro 1, 2018

2 estrelas

Sombras é o primeiro volume de uma sequela romântica da autora Patricia Morais que se insere na literatura fantástica. Li-o em formato e-book e fiquei curiosa relativamente à continuação. Trata do sobrenatural, algo que me agrada bastante, mas ficou um pouco aquém das minhas expetativas.

Sombras, de Patricia Morais

A história de Lilly Ashton começa de uma maneira bastante trágica. Numa noite de festa com amigos, acaba por voltar para casa apenas para descobrir que a sua família partiu deste mundo da maneira mais horrífica possível. A vida que tinha vindo a construir em Portugal deixa de lhe fazer sentido e ela parte para os Estados Unidos em busca de si própria. É então que decide trocar a advocacia por uma paixão antiga: criaturas mitológicas. O que ela não sabia era que aquilo que ia começar a estudar no curso de Folclore e Mitologia acabaria por se revelar mais verdadeiro do que ela queria acreditar. São os Diabolus Venator, um grupo de caçadores do paranormal, que a vão acolher na sua mansão gótica e lhe vão dar a conhecer os mitos vivos mais tenebrosos.

De início, o conceito pareceu-me muito interessante, pois fazia-me lembrar a série Sobrenatural, uma das minhas favoritas desde que era mais nova. No entanto, acaba por se revelar um cliché, sem grandes surpresas e com uma linguagem pouco cuidada. Tenho a sequela para ler e acho que ainda lhe vou dar uma oportunidade, apesar de não me dar grande vontade. Não é, sem dúvida, dos melhores trabalhos literários, mas não deixa de ter o seu valor, especialmente enquanto ficção paranormal, que não se costuma ver muito à venda.

A história decorre de uma maneira que me pareceu pouco natural, com vários saltos no tempo que, a meu ver, não fazem muito sentido. O que lhe dá piada são mesmo as referências tipicamente portuguesas e os monstros que aparecem em tantos episódios com o Sam e o Dean.

Durante a leitura, também me deparei com vários erros de português que me fizeram empancar e abanar a cabeça reprovadoramente. Não sei até que ponto terá sido feita uma revisão deste trabalho, mas não fiquei muito satisfeita com o resultado final.

Era impressionante como eu mudara em tão pouco tempo. Costumava adorar a escuridão de uma noite sombria, mas agora não era capaz de dar um passo sem olhar por cima do ombro. Agora sabia que tipo de sombras se escondiam por trás da escuridão.

 

A construção da personagem é um pouco superficial, mas acho que a autora retrata bem uma situação de perda e de luto. Outro ponto forte foi o romance, pois nota-se a evolução de uma relação difícil, de uma forma mais indireta. No entanto, se não gostam de ficar à espera durante quase toda a leitura para ver alguma ação a nível amoroso, esta história não é para vocês. E se não têm uma paixão pelo sobrenatural (seja o tema, seja a série), então podem esquecer de vez este livro.

Para quem estiver interessado, aconselho a ler em e-book, pois é mais barato. Eu não daria 15€ por este livro. Aproveitei uma promoção e arranjei-o através do site da Coolbooks, uma chancela da Porto Editora, tal como muitos outros e-books, dos quais falarei aqui em breve. Todos eles têm de ser lidos no Wook Reader, uma plataforma de leitura da Wook que ainda necessita de algumas melhorias. Mesmo assim, foi fácil de ler no meu tablet e não desgostei de todo da experiência. Foi uma leitura leve e agradável, apesar de não ser arrebatadora nem incrível. Acredito que há espaço para um pouco de tudo no mundo literário e nunca digo que não a dar uma oportunidade!

Para saberem se poderá ser, realmente, algo do vosso interesse, espreitem aqui um excerto do livro. Também podem visitar o site da autora Patricia Morais aqui.

Book Card Sombras

Clica aqui para comprar na Wook com 20% de desconto!

 

Já conhecem o livro A única memória da Flora Banks? É um dos meus favoritos e aconselho vivamente, mas podem ficar a saber um pouco mais sobre ele primeiro, clicando no título.

0

Comenta aqui!